6 de setembro de 2012
Recife FM é a rádio mais lembrada da capital Pernambucana

Um dos pontos fortes da emissora na capital pernambucana é a grande quantidade de promoções que realiza

Referência no mercado de radiodifusão nacional, a Rádio Recife FM 97,5 recebeu, ontem, a visita do chanceler Airton Queiroz. Em sua passagem pela capital pernambucana, ele conversou sobre a liderança da emissora, que pertence ao Sistema Verdes Mares, em Recife. Uma pesquisa divulgada pela Associação Brasileira de Anunciantes (ABA), em parceria com a TopBrands Consultoria de Branding revela que a Rádio Recife FM é a marca, entre os veículos de rádio, mais lembrada pelos recifenses.


Chanceler Airton Queiroz (3º da esquerda para a direita) com Edson Queiroz Neto (à direita dele) foram recebidos por Marcelo Pitanga (à esquerda) FOTO: DIVULGAÇÃO

“A excelente programação aliada à qualidade técnica e promoções. Tudo isso junto com carinho e amor fazem o sucesso da emissora”, avalia o gerente comercial da rádio, Marcelo Pitanga, diante do desempenho.

Segundo o gerente da emissora, a diversidade na programação e os formatos comerciais atraem um público fiel que acompanha o crescimento da Recife FM ao longo de seus 31 anos. De acordo com Pitanga, a emissora é líder no horário nobre do rádio, que abrange o período das 6 às 19 horas, com 152 mil ouvintes. Exemplo do sucesso da rádio é a parceria com dois maiores fenômenos católicos do Brasil: os padres Marcelo Rossi – com o programa Momentos de Fé, que vai ao ar de segunda a sábado, das 9 às 10 horas – e Reginaldo Manzotti, com a Experiência de Deus, que é veiculado de segunda a sábado das 10 às 11h.

Promoções

De acordo com Pitanga, a Recife FM é conhecida como a rádio das grandes promoções. “Procuramos pensar grande. Procuramos sempre manter um esquema promocional de impacto, desenvolvendo ações como Trio Elétrico da Recife FM no Galo da Madrugada, Caminhão de Prêmios Recife FM, onde já realizamos entrega no palco de grandes shows como de Ivete Sangalo,Banda Calypso, Claudia Leitte, Luan Santana e Chiclete com Banana”, comenta.

As mulheres das classes C, D e E, com idade acima de 20 anos, são o público alvo da emissora. Para chegar até elas, a rádio oferece uma programação eclética, contemplando o forró, pagode, sertanejo, axé, brega, dentre outros estilos musicais, mas sempre dando ênfase aos sucessos do momento. “A gente toca o que está em evidência, antenado com os sucessos e com novos lançamentos musicais”, disse o gerente comercial da emissora.

Fonte: http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1178088

Mande sua mensagem

Campos obrigatórios são marcados *

*

comentários